quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

Timor-Leste

O tempo em Timor-Leste reflecte o estado de espírito dos timorenses.
Céu cinzento, águas turvas, deprimente...
E o ruído da água das chuvas, ora forte, ora em sussurro, tal como o rumor de que estamos em risco de perder as nossas referências, torna-se incomodativo.
Estamos inquietos.
Receosos.
Contudo, continuamos à espera, sempre à espera de que melhores dias virão...
E assim vamos vivendo!
Ângela Carrascalão Quinta-feira, Fevereiro 21, 2008

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial